instagram.com/_nandaandrade_ https://plus.google.com/+ThebeautyofficeBr1/

"Lend me your ears and I'll sing you a song And I'll try not to sing out of key"*

3 de set de 2014



Qual é o prazo de validade de uma amizade? Embora pareça absurda, a questão anterior tem me assombrado há muito tempo. Nesta vida quase nômade que tenho levado nos últimos dois anos, o tempo tem se tornado cada vez mais precioso. Um bem que, diferente do dinheiro, a gente não ganha.

Tento aproveitar as oportunidades que se apresentam fora da rotina de gente grande. Seja uma resenha com os amigos, seja um passeio com minha noiva. Guardo momentos, como se a inexorável força do tempo não pudesse apaga-los.

Neste ínterim, um fenômeno que ocorria antes de forma natural e a conta gotas tem ficado cada vez mais comum: a obliteração de uma velha amizade. Aquela idéia de que boas amizades são para sempre vai se desmistificando. E a exceção de fragmentos de almas gêmeas, só restam alguns apertos de mão frouxos; promessas de “depois a gente se encontra”; e esbarrões sem graça em festas de conhecidos em comum.

Entendo que as coisas duráveis só o são assim pelo valor que damos a elas. E assim como os bons uísques, que alguns são amargos e outros quase doces, o tempo faz bem para as relações, tendo paciência e confiança. Tudo que cobramos de mais, apostamos de mais, acaba enlanguescendo.

Deixe seus amigos seguirem seus rumos. Os bons amigos mesmo, aqueles que passados vinte anos ainda te chamam por aquele apelido infantil que em público tanto te incomoda; que conhecem seus pais e mesmo na sua ausência ainda os visita; que eventualmente pegam uma mixaria emprestado e não vai te pagar, porque a vida em si vai compensar isto; que tem sempre as mesmas prosas, mas vocês nunca enjoam, porque de certo modo é como vocês revivem boas histórias; que podem até não participar das suas vitórias pessoais, ou das suas mais profundas perdas, mas que sempre tem a palavra certa para hora certa; não se preocupe com estes, eles vão ficar.

Fica a dica: não esperem de mais dos seus amigos, grandes expectativas não correspondidas podem machucar mais do que desilusões cotidianas; tentem esperar o mesmo que vocês podem fazer por eles, mas com uma dose de astúcia e menos ingenuidade.

*With a little help from my friends - John Lennon and Paul McCartney

http://v8socialclub.blogspot.com.br/
Para ler o texto na publicação original é só clicar aqui

0 comentários:

Postar um comentário

Todos os comentários aguardam por moderação.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...